João Rodil lançou “Os Dias do Corvo”

Falar de Cultura em Sintra e de pessoas que tanto tenham demonstrado amor a Sintra nos últimos trinta anos é, entre outros (poucos) falar de João Rodil,figura incontornável na divulgação da nossa História local e entusiasta de tudo o que  a ela diz respeito. Defensor do património, como quando fundou a Liga dos Amigos dos Capuchos, autor de obras monográficas relatando a história dos locais emblemáticos- e outros menos conhecidos- estudioso da literatura sintrense e militante de causas sem reclamar louros ou comendas, companheiro na Alagamares, desinteressadamente pugnando pela Cidadania como forma de estar, há muito devia ter sido já reconhecido pelo seu contributo que só eleva a qualidade dos que defendem Sintra e honra os que o conhecem e com ele partilham das mesmas angústias, ideais e motivações.

12299217_10205584625117603_4868825430950313271_n

IMG_0936

12313889_10203971353484117_3593263329912547711_nFotos de Paulo Escoto, Mauro Coelho e Ventura Saraiva

Autor de vasta obra sobre Sintra e suas gentes, lançou agora “Os Dias do Corvo”, um olhar pessoal sobre as coisas e as pessoas, dia 4 de Dezembro, no MU.SA- Museu das Artes de Sintra, com apresentação de Luís Filipe Sarmento e significativa presença de amigos e admiradores. Recomendado.

A obra não está à venda em livrarias, pelo que deve o Autor ser contactado através da sua página de Facebook para fins de aquisição.

12241754_10205506807852220_1851534512852113165_n

Share Button